Terça-feira, 09 de Agosto de 2016

British Council, CDI e Redeh iniciam parceria em programa de liderança social para mulheres de comunidades no Rio de Janeiro

Entre 9 e 14 de agosto, facilitadoras das ONGs CDI (Comitê para Democratização da Informática) e Redeh (Rede de Desenvolvimento Humano) participam de treinamento do programa Active Citizens no Reino Unido

O programa Active Citizens, que promove o diálogo intercultural e o desenvolvimento social liderado pelas comunidades, chega ao Brasil com uma iniciativa piloto no Rio de Janeiro para empoderar jovens líderes, em especial as mulheres, de comunidades marginalizadas e periféricas. No país, o programa do British Council terá como parceiros o CDI e a Redeh, que já desenvolvem projetos sociais voltados para o público-alvo do Active Citizens.

Presente em 46 países, o programa pretende motivar os membros das comunidades a assumir a responsabilidade por suas questões sociais e ajudá-los a desenvolver conhecimentos, habilidades e experiência para resolvê-las. Esse trabalho conta com o apoio de facilitadores das organizações parceiras, que por sua vez oferecem o treinamento a suas comunidades.

O ciclo piloto do programa no Brasil será executado de julho de 2016 ao final de março de 2017 e incluirá desenvolvimento de parcerias, oficinas comunitárias, apoio a implantação de projetos de ação social nas comunidades, além do treinamento internacional de facilitadores no Reino Unido. Os objetivos do treinamento serão desenvolver habilidades de diálogo intercultural e obter experiência na metodologia do programa.

Os projetos no Rio de Janeiro terão como meta desenvolver a autonomia econômica e o empreendedorismo com vistas ao fim da pobreza de mulheres e meninas; a promoção da igualdade de gênero, étnica e racial e a valorização da cultura, história, identidade e meio ambiente sustentável das comunidades envolvidas.

O Active Citizens reúne pessoas para compartilhar ideias, aprender uns com os outros e ganhar a confiança e as habilidades que precisam para serem os agentes das mudanças que querem ver em suas comunidades, conectando milhares de pessoas ao redor do mundo que coletivamente querem criar uma sociedade mais justa e inclusiva.

CONTATO
Para mais informações entre em contato com nossa assessoria de imprensa através do email centro.info@britishcouncil.org.br ou ligue para (11) 2126-7500. 

Sobre o British Council

O British Council é a organização internacional sem fins lucrativos do Reino Unido para relações culturais e oportunidades educacionais. Seu trabalho busca estabelecer a troca de experiências e criar laços de confiança por meio do intercâmbio de conhecimento e de ideias entre pessoas ao redor do mundo. A organização está presente em mais de 100 países e trabalha com parceiros como os governos em diversas instâncias, organizações não-governamentais e iniciativa privada, em ações relacionadas à promoção da língua inglesa, cultura, artes, educação e programas sociais. www.britishcouncil.org.br

Sobre o CDI

O CDI é uma organização social voltada ao empoderamento digital, que busca formar jovens autônomos, conscientes e conectados, aptos a reprogramar o sistema em que estão inseridos, através do uso da tecnologia. A organização atua em parceria com instituições comunitárias, bibliotecas e escolas públicas para formar multiplicadores na metodologia CDI, que replicam seus programas para o público final. Essa grande rede promove uma nova consciência para gerar oportunidades aos jovens brasileiros. O CDI está presente em 7 países e 9 estados brasileiros e impactou até hoje mais de 1,68 milhão de vidas.

Sobre a Redeh

 Rede de Desenvolvimento Humano, criada em 1990, é uma associação civil, sem fins lucrativos, sem filiação política partidária ou orientação religiosa e tem como missão a promoção do desenvolvimento humano que contemple a igualdade entre os gêneros, raças/etnias, o desenvolvimento justo e sustentável, a proteção e conservação do meio ambiente e promoção da diversidade cultural.  A estratégia utilizada consiste em apoiar lideranças de mulheres e de outros atores sociais (jovens, comunidades e professoras/es) nos processos decisórios e na implementação de políticas públicas voltadas para as mulheres, população negra, jovens e outros segmentos em situação de desvantagem social. Um dos focos da REDEH desde sua fundação é o campo do desenvolvimento justo e sustentável e  a formação de lideranças capazes de fortalecer suas comunidades.