Date
Quarta-feira, 19 de Agosto de 2020 -
17:0018:30
Location
Evento 100% on-line.

A importância do direito à educação de qualidade é um tema central nas discussões e ações do British Council. Incentivar práticas inovadoras e com foco em diversidade tem se mostrado um caminho muito importante para escolas e espaços educativos. Considerando as diretrizes da Base Nacional Comum Curricular e os desafios do cenário mundial pós-Covid-19, profissionais da educação devem explorar possibilidades para o ensino de ciências de forma inovadora e diversa. 

Durante o webinar School Talks: práticas transformadoras no ensino de ciências teremos como perguntas norteadoras questões como o impacto de práticas baseadas em interdisciplinaridade, o incentivo do diálogo entre ensino básico e academia e as condições de trabalho com estudantes.

Este evento será uma roda de conversa entre os participantes, seguido de perguntas da audiência, e será realizado em Português. 

Convidados: 

Tatiana Mazzo é química de formação com doutorado em nanotecnologia, linha de pesquisa que desenvolve como docente e pesquisadora no Instituto do Mar da UNIFESP Campus Baixada Santista. Desde 2018, compõe a equipe do Programa Maré de Ciência, que é um programa de divulgação científica e engajamento que tem como foco as ciências do mar. O principal valor do Programa é a valorização do indivíduo como protagonista na produção e disseminação do conhecimento, atuando em quatro vertentes sendo elas: com a Comunidade; Com a Escola; Ciência Cidadã e Mulheres na Ciência (esse último coordenado por ela). 

André Oliveira é mestre em física de partículas pelo Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas e doutorando em engenharia de defesa no Instituto Militar de Engenharia (IME). É professor de ensino médio há 12 anos e docente no curso de graduação de matemática na FEUC/RJ há 6 anos.  Vencedor do Prêmio Shell de Educação Científica em 2017, com o projeto transdisciplinar e integrador “Modelos de cidades sustentáveis na MOBFOG e os avanços das tecnologias aeroespaciais” e organizou grandes feiras de ciências. Atualmente coordena o Show de Física, espetáculo teatral, utilizando experimentos de física clássica, apresentado por jovens e que extrapolou os muros da escola e foi ampliado para tratar também de questões como desigualdades sociais, étnicas e de gênero. Através da sua atuação como educador, André busca incentivar os alunos a produzir conhecimento. Não apenas consumir e reproduzir informações. Isso possibilita o desenvolvimento a autonomia do estudante para tomadas de decisão com base em argumentação científica e responsabilidade social.

Davi Bonela é coordenador de Pesquisa do Museu do Amanhã, área responsável pela concepção e realização de estudos sobre temas orientados para o futuro e de projetos com o foco em ciências para a educação básica, ensino superior e pós-graduação. Antes, trabalhou na Fiocruz, Academia Brasileira de Ciências e em outras instituições de educação, ciência e desenvolvimento sustentável. Foi non-European fellow da Ettore Majorana Foundation for Scientific Culture, na Itália; participou de um intercâmbio profissional no Science Museum Group, na Inglaterra, via Newton Fund Institutional Skills; e, desde 2019, coordena o Inspira Ciência, programa de formação de professores da educação básica realizado pelo Museu do Amanhã e o British Council com o patrocínio da IBM. Acompanha os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável desde o início, tendo feito a cobertura oficial da Cúpula do Povos na RIO+20 e do Fórum Mundial de Ciência.