O British Council, o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) lançam, em 18 de abril de 2016, uma nova chamada do programa Researcher Connect com a utilização de recursos do Newton Fund no Brasil. 

Esta chamada teve por finalidade selecionar instituições de Ensino Superior nos Estados participantes para sediar uma série de cursos presenciais para o desenvolvimento de habilidades em comunicação científica para pesquisadores, sob o programa Researcher Connect, a serem realizados no Brasil de 1° de agosto de 2016 a 1º de março de 2017. 

Esta chamada contemplou os seguintes Estados: Alagoas (Fapeal), Distrito Federal (FAPDF), Espírito Santo (Fapes), Goiás (Fapeg), Mato Grosso do Sul (Fundect), Minas Gerais (Fapemig), Pará (Fapespa), Paraíba (Fapesq), Paraná (Fundação Araucária), Pernambuco (Facepe), Piauí (Fapepi), Santa Catarina (Fapesc), São Paulo (Fapesp), Sergipe (Fapitec) e Tocantins (FAPT).

Alguns workshops serão contemplados com um componente de química proporcionado pela Royal Society of Chemistry (RSC).

Chamada encerrada. Mais informações no edital, disponível para download no final desta página.

Propostas selecionadas

A chamada foi um sucesso! Recebemos 41 propostas dos 14 estados participantes, sendo que 30 delas serão financiadas. Veja abaixo as propostas selecionadas neste edital:

Estado Instituição Proponente
AL Unit/AL Daniela Kabengele
ES UFES Kyara Finardi
ES EMESCAM Flavia Errera
GO IFGO Fabiano Guimarães Silva
GO UFG André Carlos Silva
GO UEG Elisa Flávia
MG Única Educacional Rosângela Hickson
MG CEDIN Educacional Leonardo Nemer Caldeira Brant
MS UFGD Arquimedes Gasparotto Junior
PA UFPA Amauri Gouveia Jr
PA Museu Paraense Emilio Goeldi Ana Luisa Albernaz
PB Embrapa Algodão Liziane Lima
PB UFPB Adriana Fernandes
PB UEPB Rodrigo Jose de Oliveira
PI UFPI Paula Molinari
SC IFSC Flavio Augusto Soares
SC Unochapecó Marcelo Fabiano Costella
SC Unisul Jefferson Traebert
SE UFS Marcus Lima
SP Unifesp Miriam Jasiulionis
SP Unaerp
Suzelei França
SP USP
Hamilton Varela
SP UFABC
Rafael Santiago
SP UFSCar
Marcia Regina Cominetti
TO UnirG Marise Suzuki
TO Unitins Aquidauana Miqueloto

Observações:

  • As instituições selecionadas serão contatadas por e-mail pelo British Council até o dia 29 de julho com mais informações sobre como proceder.
  • Dentre as 10 propostas enviadas pelo estado do Paraná, 4 serão selecionadas pelo edital da Fundação Araucária. Mais informações sobre o edital diretamente com a Fundação Araucária.

Orientações sobre essa chamada

Assista ao vídeo da nossa sessão informativa sobre as principais dúvidas deste edital.

Informações sobre as propostas

  • Cada candidato(a) deverá propor um curso, a ser realizado em sua instituição. 
  • Cada instituição pode sediar um único curso por ano. No caso de uma única instituição proponente para todo o Estado, dois cursos por campi poderão ser permitidos.
  • Cada edição do curso deve capacitar 20 pesquisadores.
  • O nível de inglês necessário para o curso é o B2, de acordo com o Quadro Europeu Comum de Referência para Línguas
  • As instituições podem optar entre quatro opções de curso, de acordo com interesses específicos de cada instituição. 

Requisitos para a candidatura

  • O candidato será referido como coordenador do curso.
  • Perfil: Os coordenadores do curso devem ser pesquisadores em tempo integral ou professores indicados pela Pró-Reitoria de Pesquisa, Pró-Reitoria de Pós-Graduação, chefe de departamentos ou de programas de pós graduação de uma instituição de ensino ou pesquisa filiada a uma das FAPs dos estados contemplados.
  • O coordenador de curso será o ponto de contato entre o British Council para seleção do tipo de curso, coordenação logística e controle de orçamento. Ele também será responsável pelo processo seletivo de 20 participantes e pelo monitoramento e avaliação final do curso.
  • O coordenador do curso não será instrutor e tampouco precisa ter conhecimentos específicos relacionados à língua inglesa ou comunicação científica. Os instrutores e materiais do curso serão fornecidos pelo British Council.
  • Serão aceitas propostas de pesquisadores em todas as áreas do conhecimento, desde que a linha de pesquisa traga um benefício social e/ou econômico para o Brasil, ou seja, demonstrar impacto direto ou indireto em populações vulneráveis ou de baixa renda. Todos os projetos financiados pelo Newton Fund seguem os critérios da OECD para investimento tipo ODA (official development assistance, ou assistência oficial para o desenvolvimento). Mais informações no site global do Newton Fund.
  • Cada campus pode receber uma edição curso do Researcher Connect para 20 participantes. Caso haja apenas uma inscrição no estado, o campus pode receber até duas edições.

Como participar

Candidatos a coordenadores de curso devem submeter o formulário online de inscrição completo em inglês – submissões via e-mail e/ou em português não serão aceitas. 

Cada candidato a coordenador de curso submeterá uma proposta por instituição para que esta sedie um curso para treinar 20 pesquisadores em qualquer disciplina ou área multidisciplinar. O formulário requer uma breve explicação dos pesquisadores de como sua pesquisa relaciona os objetivos de desenvolvimento econômico e social em benefícios convertidos a populações vulneráveis. Antes da submissão, os candidatos também devem obter permissão para submeter propostas em nome de suas instituições, esta permissão é evidenciada por meio da Carta de Apoio. 

O processo de seleção terá foco no desenvolvimento de habilidades em comunicação em áreas relevantes ao desenvolvimento econômico e social. Cada FAP, coordenada pelo Confap, e o British Council cofinanciarão os cursos.

Uma vez submetida a inscrição, os candidatos receberão uma confirmação via e-mail contendo o número de identificação, o qual deverá ser usado em todas as comunicações com o British Council. Candidatos que não receberem uma confirmação automática via e-mail deverão contatar o British Council através de newton@britishcouncil.org.br

CANDIDATURAS DE PERNAMBUCO / FACEPE

As propostas de instituições em Pernambuco devem ser também submetidas à Facepe através do formulário de solicitação de auxílio a projeto de pesquisa (modalidade APQ), disponível no sistema AgilFAP. 

CANDIDATURAS DE SÃO PAULO / FAPESP

Instituições de São Paulo devem observar também as instruções disponíveis no site da Fapesp. 

Dúvidas

Para outras dúvidas, entre em contato pelo e-mail newton@britishcouncil.org.br