O British Council, o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) lançam, em 10 de abril de 2017, uma nova chamada do programa Researcher Connect com a utilização de recursos do Newton Fund no Brasil. 

Esta chamada tem por finalidade selecionar instituições de ensino superior nos Estados participantes para sediar uma série de cursos presenciais para o desenvolvimento de habilidades em comunicação científica para pesquisadores, sob o programa Researcher Connect, a serem realizados no Brasil entre 1° de agosto de 2017 e 16 de março de 2018

Melhorar as habilidades de comunicação de pesquisadores pode ter um efeito benéfico não apenas nas performances e carreiras individuais, mas também na instituição e departamentos onde as pesquisas são desenvolvidas e na sociedade como um todo, através do aumento do alcance e do impacto de suas pesquisas.

Estados participantes

Esta chamada contempla os seguintes Estados:

  • Alagoas (FAPEAL)
  • Distrito Federal (FAPDF)
  • Espírito Santo (FAPES)
  • Goiás (FAPEG)
  • Maranhão (FAPEMA)
  • Mato Grosso do Sul (FUNDECT)
  • Minas Gerais (FAPEMIG)
  • Pará (FAPESPA)
  • Paraíba (FAPESQ)
  • Paraná (Fundação Araucária)
  • Pernambuco (FACEPE)
  • Piauí (FAPEPI)
  • Santa Catarina (FAPESC)
  • São Paulo (FAPESP)
  • Sergipe (FAPITEC)
  • Tocantins (FAPT)

Como funciona

As instituições de ensino superior interessadas em receber um curso do Researcher Connect serão representadas por um(a) candidato(a), que deverá fazer a inscrição no edital como “coordenador(a) do curso”. Na proposta, ele(a) deverá optar por uma das quatro opções de curso disponíveis, de acordo com os interesses específicos de sua instituição.

Cada instituição pode sediar uma única edição do Researcher Connect por ano. Caso haja apenas uma inscrição no Estado, outro campus da mesma instituição poderá receber uma segunda edição do curso. Cada edição do curso deve capacitar, no mínimo, 20 pesquisadores. O nível de inglês necessário para participar do curso é o B1, de acordo com o Quadro Europeu Comum de Referência para Línguas

Mais informações no edital, que está disponível na área de downloads no final desta página. 

Royal Society of Chemistry

A Royal Society of Chemistry (RSC) é uma sociedade científica sem fins lucrativos, cujo interesse é a publicação de revistas e livros científicos, bem como o apoio a profissionais atuando na área de química em todas as fases da sua carreira. A RSC envolve multi-áreas relacionadas à química. Entre as muitas atividades que realiza em todo o mundo, a RSC incentiva pesquisadores no desenvolvimento de colaborações duradouras que conduzam a publicações conjuntas e de maior impacto.

Em parceria com o Newton Fund e o British Council, a RSC está desenvolvendo um workshop chamado How-to-Publish, com o objetivo de discutir o aperfeiçoamento de escrita e de habilidades de apresentação. Instituições que demonstrarem interesse no workshop da RSC em sua candidatura poderão ser escolhidas para receber um dia extra ao Researcher Connect específico para o público de exatas, mais especificamente de Química, Física, Engenharias e Bioquímica, a ser ministrado por representantes internacionais da RSC.

Para conhecer melhor o trabalho da RSC, acesse: http://pubs.rsc.org/

Requisitos para candidatura

Os(as) coordenadores(as) do curso devem ser pesquisadores(as) em tempo integral ou professores(as) indicados pela Pró-Reitoria de Pesquisa, Pró-Reitoria de Pós-Graduação, chefes de departamentos ou de programas de pós graduação de uma instituição de ensino ou pesquisa, pública ou particular, filiada a uma das FAPs dos estados contemplados.

O(a) coordenador(a) de curso será o ponto de contato entre o British Council para seleção do tipo de curso, coordenação logística e controle de orçamento. Ele(a) também será responsável pelo processo seletivo dos participantes e pelo Monitoramento e Avaliação final do curso.

O(a) coordenador(a) do curso não será instrutor(a) e tampouco precisa ter conhecimentos específicos relacionados à língua inglesa ou comunicação científica. Os(as) instrutores(as) e materiais do curso serão fornecidos pelo British Council.

Serão aceitas propostas de pesquisadores(as) em todas as áreas do conhecimento, desde que a linha de pesquisa traga um benefício social e/ou econômico para o Brasil, ou seja, demonstrar impacto direto ou indireto em populações vulneráveis ou de baixa renda. Todos os projetos financiados pelo Newton Fund seguem os critérios da OECD para investimento tipo ODA (official development assistance, ou assistência oficial para o desenvolvimento). Mais  informações no site global do Newton Fund.

Como enviar sua candidatura

Candidatos(as) a coordenadores(as) de curso devem submeter o formulário online de inscrição completo em inglês – submissões via e-mail e/ou em português não serão aceitas. 

Cada candidato(a) a coordenador(a) de curso submeterá uma proposta por instituição para que esta sedie um curso para treinar 20 pesquisadores em qualquer disciplina ou área multidisciplinar. O formulário requer uma breve explicação dos(as) pesquisadores(as) de como sua pesquisa relaciona os objetivos de desenvolvimento econômico e social em benefícios convertidos a populações vulneráveis. 

Antes da submissão, os(as) candidatos(as) também devem obter permissão para submeter propostas em nome de suas instituições. Esta permissão é evidenciada por meio da Carta de Apoio. 

O processo de seleção terá foco no desenvolvimento de habilidades em comunicação em áreas relevantes ao desenvolvimento econômico e social. Cada FAP, coordenada pelo Confap, e o British Council cofinanciarão os cursos.

Uma vez submetida a inscrição, os(as) candidatos(as) receberão uma confirmação via e-mail contendo o número de identificação, o qual deverá ser usado em todas as comunicações com o British Council. Candidatos(as) que não receberem uma confirmação automática via e-mail deverão contatar o British Council através de newton@britishcouncil.org.br

Prazo para entrega de propostas

Chamada aberta até às 23h59 (horário de Brasília) do dia 11 de Junho de 2017.

Para se candidatar, preencha o formulário online de inscrição.

Exclusivo para o Estado de São Paulo

Pesquisadores do Estado de São Paulo devem seguir, além das diretrizes informadas nesta chamada, as orientações específicas para submissão na FAPESP, disponíveis em www.fapesp.br/10913.

Atenção: As propostas devem ser submetidas à FAPESP e ao British Council simultaneamente.

Avaliação e resultados

A avaliação das propostas será realizada pelas FAPs signatárias, segundo o cronograma abaixo:

Período de avaliação: Junho de 2017
Anúncio dos resultados: entre Junho e Julho de 2017
Início dos workshops: Agosto de 2017

Dúvidas

Por favor, entre em contato pelo e-mail newton@britishcouncil.org.br

Links externos