FameLab Brasil 2016 - Ingrid Regina Avanzi (Foto: Rodolfo Rizzo)

Lançado em 2004 pelo Festival de Ciência de Cheltenham, na Inglaterra, o FameLab tem como objetivos promover a aproximação entre cientistas e público em geral e incentivar o desenvolvimento de competências de comunicação entre pesquisadores.

Em 2017, a competição acontece pela segunda vez no Brasil, uma realização do British Council em parceria com o CNPq, a Confap, a Fapesp e o Museu do Amanhã. 

Quem pode participar

O FameLab Brasil 2017 foi aberto a bolsistas de Mestrado, Doutorado, Doutorado Direto e Pós-Doutorado, com bolsa vigente até o dia 30 de junho de 2017 ou data posterior, nas áreas de Ciências da Vida ou Ciências Exatas e Engenharias, fluentes em Português e Inglês, das seguintes agências:

  • CNPq, independente da Unidade da Federação;
  • FAPESP (bolsistas que estejam com a bolsa no país interrompida não são elegíveis);
  • e das seguintes Fundações de Amparo à Pesquisa filiadas ao CONFAP: FAPEG (Goiás), FAPEMA (Maranhão), FAPEMIG (Minas Gerais), FAPES (Espírito Santo), FAPESC (Santa Catarina), FAPITEC (Sergipe), FAPT (Tocantins) e Fundação Araucária (Paraná).

Importante: Algumas agências possuem requisitos de elegibilidade próprios. Para mais informações, consulte o portal/chamada específico de cada FAP.

Inscrições

As inscrições encerraram no dia 8 de março de 2017.

Na ficha de inscrição, além dos seus dados pessoais, o candidato fez o upload de um vídeo com uma apresentação oral em Português de um tópico de ciência e/ou tecnologia, seguido da respectiva versão em Inglês. Este vídeo deveria, ainda, atender aos seguintes critérios:

  • Duração máxima de seis (6) minutos, sendo no máximo três (3) minutos para cada versão. Vídeos com duração maior serão desclassificados;
  • Formatos .mov ou .mp4, com até 50 megabytes;
  • Sem a utilização de power points ou outro dispositivo eletrônico de apresentação, e com uso limitado de materiais de apoio portáteis;
  • Sem música de fundo;
  • Sem edições ou efeitos especiais.

A qualidade do vídeo não será levada em conta na avaliação. O vídeo não pode ser editado, nem incluir outras pessoas além do próprio apresentador.

Etapas do concurso

Semifinal Nacional | 2 de maio de 2017

Apresentação dos 20 candidatos selecionados, ao vivo, em português, perante o público e comitê avaliador. A apresentação oral na semifinal tem de ser diferente da realizada na fase de inscrição anterior, embora o tópico possa ser o mesmo. Neste momento, o comitê avaliador define os 10 participantes que seguem para a próxima fase (masterclass e final nacional). 

Veja aqui a lista de candidatos selecionados para a primeira etapa presencial do concurso (semifinal nacional).

Masterclass | 3 e 4 de maio de 2017

Os 10 finalistas selecionados anteriormente participarão de uma etapa de treinamento intensivo, em inglês e sem tradução simultânea, com uma equipe de especialistas em Comunicação Científica que os preparará para a Final Nacional, a qual ocorrerá no dia seguinte à conclusão do Masterclass. 

Final Nacional | 5 de maio de 2017

Apresentação dos 10 finalistas, ao vivo, em português, perante o público e comitê avaliador. A apresentação oral na Final Nacional será realizada no auditório do Museu do Amanhã e os candidatos deverão fazer uma apresentação diferente da realizada nas fases anteriores de inscrição e semifinal, embora o tópico possa ser o mesmo. 

Cada uma das etapas presenciais do concurso nacional será realizada na cidade do Rio de Janeiro. As despesas de participação dos bolsistas selecionados (passagens aéreas e diária) serão custeadas pela Fundação de Amparo à Pesquisa a qual estão filiados, segundo suas próprias normas e chamadas.

FameLab International | 6 a 11 de junho de 2017

O vencedor da final nacional representará o Brasil no FameLab International durante o Festival de Ciência de Cheltenham, que acontecerá de 6 a 11 de junho de 2017 na Inglaterra.

Todas as atividades do FameLab International, bem como a apresentação oral nas etapas classificatórias da competição internacional, serão realizadas em inglês, sem tradução. 

As despesas de transporte, hospedagem e alimentação do candidato brasileiro serão custeadas pelo British Council, conforme especificado nos termos e condições do concurso (disponível para download no final desta página).

Critérios de avaliação

Comitês formados por cientistas, especialistas em comunicação e jornalistas indicados pelo British Council e demais parceiros neste concurso selecionarão os candidatos em cada uma das etapas por meio de um processo competitivo que avaliará os seguintes critérios:

  • Conteúdo: Factualmente correto e cientificamente válido, situado de forma coerente e adequado para uma audiência pública e diversificada.
  • Clareza: Apresentação precisa e clara no contexto do tema relacionado, permitindo o entendimento por parte do receptor e, quando for o caso, uso eficaz dos assessórios. 
  • Carisma: Posicionamento cativante, entusiasmante e inspirador.