Menina com rosto pensativo: ¿toefl ielts?
©

Foto criado por wayhomestudio

O teste de proficiência em inglês é um pré-requisito capaz de abrir diversas portas para experiências internacionais. Saber qual deles é o melhor depende especificamente de seu principal objetivo e para onde você deseja ir.

É de suma importância conhecer as particularidades de cada teste de proficiência em inglês e, principalmente, dos mais aceitos no mundo: IELTS e TOEFL. Neste artigo conheceremos mais sobre eles para te auxiliar nesta jornada em busca da conquista de novos territórios para sua vida e seu currículo.

IELTS ou TOEFL - o que são?

O IELTS e o TOEFL são provas em inglês, os dois testes mais usados em todo o mundo para atestar proficiência em inglês. Em universidades e instituições de ensino variadas, esses exames são um dos pré-requisitos do processo seletivo para ingressar nos cursos ofertados.

É por meio dos resultados atingidos em um destes testes que seu entendimento em língua inglesa será reconhecido e suas habilidades validadas. Por isso, tanto o IELTS quanto o TOEFL atribuem ao candidato que faz a prova uma nota de avaliação. Esta, por sua vez, corresponde aos padrões que são estabelecidos mundialmente para o inglês.

Então, qual é mais fácil?, qual deles combina comigo? Nós contamos tudo aqui.

Quais são as diferenças entre IELTS e TOEFL?

IELTS

O IELTS é um teste de proficiência de inglês reconhecido por mais de 11.000 organizações, em mais de 140 países. A prova em inglês foi desenvolvida e é continuamente revisada por especialistas no ensino e aprendizagem de língua inglesa. O teste de inglês pode ser realizado no Brasil por meio do British Council, em várias capitais e cidades do país.

Resultado IELTS

A nota atribuída como resultado do IELTS é oferecida em uma escala de 0 a 9, sendo que as notas do IELTS correspondem ao Quadro Comum Europeu de Referência para Línguas (CERF), um padrão internacional que é utilizado por diferentes idiomas, editoras de livros escolares, professores e instituições de ensino. De modo geral, as universidades e instituições que aceitam o IELTS costumam determinar uma nota mínima a ser atingida por quem quer fazer sua prova para um processo seletivo em sua instituição. Esse resultado mínimo do IELTS costuma variar entre um local e outro, mas é importante ressaltar que o IELTS não é uma prova onde a pessoa reprova ou aprova. O IELTS pode ser feito quantas vezes o candidato desejar, até que ele alcance o resultado que desejar. Mais sobre resultados IELTS.

Tipos de teste IELTS

Além disso, o IELTS também possui diferentes tipos de teste, sendo que cada um deles é usado por diferentes perfis de candidato. São eles:

- IELTS Academic: mais utilizado para avaliar o nível de inglês do aluno que deseja ingressar no ensino superior ou realizar cursos acadêmicos, uma vez que são avaliadas competências referentes a linguagem acadêmica.

IELTS General Training: avalia sua proficiência da língua inglesa em relação a situações do dia a dia. O aluno é avaliado de acordo com situações que podem ocorrer na vida social ou no trabalho. Por isso, o IELTS General Training é mais usado por pessoas que buscam mudar de seus países de origem para viver em um país onde a língua inglesa é a língua pátria.

IELTS for UKVI: na maioria das vezes, quem deseja morar, trabalhar ou estudar no Reino Unido precisa passar por este teste. O IELTS for UKVI é aceito pelo departamento de imigração do Reino Unido e é um exame de alta segurança, onde o candidato é filmado durante sua duração para evitar que aconteçam fraudes.

IELTS Life Skills: avalia a o entendimento da língua e as habilidades de comunicação de forma mais básica. Pode ser exigido para pessoas que solicitam cidadania, visto de permanência ou visto de família.

Localidades para fazer o IELTS no Brasil

No Brasil, por meio do British Council, o IELTS é aplicado em 13 localidades no Brasil. A versão do IELTS para computador é disponibilizada em 8 locais de prova. O IELTS for UKVI, por sua vez, é realizado em Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília. 

Validade IELTS

As organizações podem optar por não aceitar certificados IELTS com mais de dois anos, a menos que você consiga fornecer evidências de que mantém ativamente suas habilidades no idioma.

Formato

O IELTS é administrado em centros autorizados e pode ser feito no papel ou por meio do computador (localizado no centro de provas). Assim, os candidatos podem escolher a opção que melhor se encaixe em suas preferências.

IELTS é uma prova em inglês mais robusta, mais concisa, e que exige bagagem dos candidatos.

TOEFL

O TOEFL é administrado pelo ETS e avalia habilidades de língua inglesa em estudantes que desejam estudar em universidades do exterior.

Não há como definir quem aprova ou reprova após realizar o exame, a pontuação mínima exigida varia de acordo com a instituição de ensino escolhida pelo aluno. Existe uma pontuação mínima exigida e a nota também pode variar de acordo com o curso. Para graduação é exigida uma nota e para pós-graduação, a pontuação pode ser diferente, em um valor mais elevado.

A nota final do iBT, uma das modalidades do TOEFL varia de 0 a 120 pontos e cada uma das quatro seções (Reading, Writing, Speaking e Listening) equivale a 30 pontos da nota final.

É normal que universidades mais renomadas e reconhecidas pelo mundo, como Columbia, Yale e Harvard, por exemplo, estabeleçam uma nota mínima no TOEFL mais elevada do que outras instituições de ensino.

Também é importante notar que cursos universitários que exigem um maior domínio do idioma, como Creative Writing, Journalism e English, também podem ter uma exigência de nota no TOEFL maior do que outros tipos de estudos que não utilizem tanto a língua inglesa como principal modo de expressão.

Validade TOEFL

Dois anos

Formato

Somente por meio de um computador.

TOEFL oferece questões de múltipla escolha e explora a intuição dos estudantes.

Como escolher entre IELTS e TOEFL

Se o candidato já possui alguma instituição de ensino ou universidade na qual ele tenha interesse, a recomendação sempre é a de que ele cheque quais são os certificados de proficiência em inglês aceitos por aquela instituição.

Alguns resultados podem surpreender os candidatos. Por exemplo, muitos acreditam que para estudar nos Estados Unidos, o único teste aceito é o TOEFL, o que não é verdade.

Nos Estados Unidos, o IELTS é amplamente aceito, inclusive em todas as universidades da Ivy League, e outras 3 mil outras instituições de ensino superior americanas. No Canadá, teste de proficiência de inglês IELTS é aceito em mais de 350 instituições, além de ser aceito em outros 145 países e mais de 10 mil instituições. Com isso, o IELTS é o teste de proficiência da língua inglesa mais aceito no mundo.

O Canadá é o país mais procurado por estudantes que realizam o IELTS. Além disso, é importante lembrar que, mesmo países que não tem o inglês como língua nativa, aceitam este teste como validação para alunos que desejam ingressar em cursos que disponibilizem aulas em inglês. Alguns dos destinos mais procurados, nesses casos, são Itália e Portugal.

É importante ressaltar que não existe uma prova mais recomendada para cada país. Como foi dito, quem decide se uma prova é válida ou não é a instituição de ensino ou de trabalho para a qual a pessoa vai se candidatar. Por isso, antes de se inscrever para sua prova, faça uma pesquisa completa e entenda qual dos exames, IELTS ou TOEFL, atende melhor às suas necessidades, de acordo com os objetos que você delimitou para si mesmo.

Inglês britânico no IELTS?

Para os interessados no IELTS que tenham algum tipo de receio em relação ao inglês ou sotaque britânico, vale ressaltar que, esta é uma prova que busca ser o mais inclusiva possível. Deste modo, contempla uma grande variedade de sotaques e variantes da língua inglesa, o que deixa o aluno mais próximo da realidade do uso do inglês.

Visto que, em um ambiente real, numa universidade internacional de grande porte, é comum lidar com pessoas de diversas nacionalidades e sotaques.

Durante a realização da etapa de Writing do IELTS, por exemplo, a única exigência é para que os alunos não mesclem a grafia britânica com a americana, ou seja, se o candidato opta pela ortografia do inglês britânico, que ele vá até o final da prova com essa grafia, e o mesmo vale qualquer das outras variantes do inglês.

Ainda, no Speaking, o sotaque escolhido não é levado em consideração. Somente as habilidades do aluno neste quesito são avaliadas.

IELTS e TOEFL: O formato das provas em inglês 

É importante saber que ambos os exames são utilizados para testar Listening (compreensão auditiva), Reading (leitura), Writing (escrita) e Speaking (conversação). Saiba mais sobre as diferenças de formato entre cada um:

Reading

TOEFL: são no mínimo três perguntas e no máximo cinco sobre interpretação de texto e leitura. O tempo de cada uma é de 20 minutos.

O conteúdo encontrado nos textos é de cunho acadêmico e as perguntas são de múltipla escolha.

IELTS: neste teste serão três questões de leitura e interpretação de texto, de 20 minutos cada.

O conteúdo dos textos também é de cunho acadêmico e as perguntas podem vir de maneiras diferentes. Tanto de múltipla escolha, quanto de preenchimento de lacunas.

Listening

TOEFL – nesta etapa, os estudantes devem ouvir diferentes áudios com conteúdos diversos e anotar o que considerarem importante. A seguir, devem responder a questões de múltipla escolha e a duração da sessão varia entre 40 e 60 minutos a sessão, no total, dura de 40 a 60 minutos.

O IELTS contém perguntas diversas, em formatos diferentes, a serem resolvidas após escutar os áudios determinados.

Writing

TOEFL: exige duas tarefas dissertativas a serem concluídas. 

Na primeira, é preciso produzir uma redação de cinco parágrafos (mínimo 300 e máximo 350 palavras). Para a segunda etapa, é necessário tomar notas de informações relevantes durante a leitura de um texto e ao ouvir um áudio. Os dois abordarão o mesmo assunto e a partir deles, é preciso dissertar sobre suas anotações em 150 a 225 palavras. 

IELTS: também pede a realização de duas tarefas, que variam de acordo com o modelo de prova selecionado. No IELTS Academic, a primeira tarefa é uma redação de 200 a 250 palavras baseada no conteúdo de materiais visuais, tais como gráficos e tabelas.

Na segunda parte, o candidato precisa apresentar uma dissertação argumentativa que baseia seu ponto de vista em relação à questão apresentada. 

Já o IELTS General Training e o IELTS Life Skills pedem outras produções, como a escrita de uma carta para um amigo pedindo um favor, por exemplo.

Speaking

TOEFL: é preciso gravar respostas de 45 a 60 segundos para as perguntas feitas no computador com o auxílio de um microfone. São seis perguntas distintas que serão respondidas com base em leituras de partes de conversas ou áudios. O tempo para realizar esta tarefa é de 20 minutos.

IELTS: o Speaking tem duração de 12 a 14 minutos e é feita por meio da interação com um examinador do IELTS. O examinador poderá estar presente no mesmo ambiente que o aluno ou estará no local por meio de uma videoconferência.

O speaking do IELTS é feito em separado e sem a presença de outras pessoas ao redor, para permitir uma melhor concentração do candidato.

A conversa é conduzida pelo Examinador e a recomendação é que o candidato fale o máximo que puder, discorrendo sobre os tópicos levantados, para que o Examinador tenha elementos o suficiente para fazer a análise.

Duração

A prova em inglês IELTS tem duração média de duas horas e quarenta e cinco minutos - 2.45 hs - para a parte “escrita”, que envolve o Reading, Writing e o Listening. A prova de Speaking leva até 15 minutos para ser concluído e é feito em um momento distinto da parte escrita, ou na manhã do dia da prova, ou em outro momento.

Já o teste de proficiência em inglês do TOEFL precisa de cerca de quatro horas e meia - 4.30 hs - para ser concluído e deve ser realizado de uma só vez.

Speaking: principal diferença entre TOEFL e IELTS

Na estrutura em si, o TOEFL e o IELTS são bastante semelhantes, mas uma das principais diferenças é a avaliação de Speaking, que afere a capacidade de conversação e expressão oral dos candidatos.

No TOEFL, o Speaking também é feito pelo computador. Ao chegar nesta etapa do exame, o aluno recebe as orientações pela tela de como se gravar enquanto fala em língua inglesa.Em alguns locais de prova, por terem mais de um aluno realizando a prova de inglês no mesmo ambiente, pode ser difícil se concentrar nesta etapa da prova, considerada uma das mais importantes e temidas pelos candidatos.

No IELTS, o Speaking é feito antes ou depois das outras avaliações e em separado dos outros candidatos que vão fazer o teste nesse mesmo dia. A conversa privativa de avaliação do Speaking do IELTS acontece com um Examinador qualificado que pode estar no local de provas presencialmente ou por meio de videoconferência.Em casos de não conseguir ouvir direito a pergunta, por conta de ruídos externos ou da máscara, por exemplo, o aluno tem total liberdade para pedir a repetição da questão. Da mesma forma, o examinador da prova pode pedir para que o aluno repita em casos semelhantes.

De modo geral, é possível afirmar que no IELTS existe uma maior interação entre estudante e examinador, além de mais privacidade e menos distrações.

Afinal, o que escolher ¿IELTS ou TOEFL?

O TOEFL é um teste de proficiência em inglês em que há sempre um padrão. Pensando deste modo, o aluno tem mais facilidade para se preparar.  Enquanto o IELTS determina que haja uma base em todas as habilidades testadas. Uma boa tática para tomar a decisão sobre qual prova de inglês fazer é:

  • Estudar a estrutura dos testes de proficiência em inglês
  • Entender o que é exigido e avaliado em cada prova
  • Saber se o certificado é aceito pela instituição de seu interesse

Preparar-se é fundamental!

Diferenças à parte, ambos os testes de proficiência em inglês são reconhecidos por seu nível de exigência.

Portanto, é aconselhado aos estudantes se preparem para ambos os testes. Aqueles que optarem por participar de cursos preparatórios boas chances de se sair bem, assim como aqueles que optarem por montar uma rotina de estudos.

Para quem tem interesse no IELTS, o British Council oferece uma série de recursos preparatórios gratuitos IELTS para instruir os candidatos durante seu trajeto preparatório para prestar o exame.

Quanto maior sua dedicação e estudo, maiores são as chances de se sair bem. 

Mais dicas para ir bem em um teste de proficiência em inglês:

  1. Estude estruturas gramaticais para ajudá-lo na hora de fazer o teste oral. Pode ser que não seja exigido domínio da gramática, mas se você estiver seguro, falará com maior tranquilidade e alcançará uma nota maior.
  2. Pesquise modelos de provas antigas para estudar a estrutura das perguntas e conhecer particularidades que poderiam te fazer perder tempo na hora do teste.
  3. Elabore um calendário de preparo que termine alguns dias antes do teste, é importante que todos os seus estudos sejam distribuídos de forma que não te atrapalhe. Isto é, quando for estudar não exagere nos temas escolhidos para o dia ou no tempo separado para isso. Estudar até cansar não é uma boa maneira de adquirir conhecimento.
  4. Tenha em mente que o seu corpo e a sua mente precisam estar descansados e preparados para dar o melhor de si. Se você estiver cansado ou se sua mente estiver fatigada o seu desempenho será bem menor do que o esperado.
  5. Acesse o site do prova em inglês escolhido para ter informações oficiais sobre ele. É importante que você esteja a par de tudo o que precisa saber sobre o teste antes mesmo de realizá-lo.

Conte com o British Council para fazer sua prova em inglês

Se ao final deste artigo você já tem a sua escolha sobre o melhor teste de proficiência em inglês para as suas necessidades e ela é o IELTS, nós podemos te auxiliar na sua caminhada para o sucesso na prova de inglês.

O British Council possui centros de aplicação da prova IELTS em diversas cidades brasileiras, como São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Recife.

E mais: quem se inscreve para fazer o IELTS com o British Council recebe acesso gratuito a recursos incríveis, como o Road to IELTS: Last Minute uma plataforma digital com simulados, vídeos de orientação e testes práticos para te ajudar a treinar e ir bem.

Estar preparado é o melhor caminho para o sucesso, se você puder contar com quem se preocupa com o seu resultado satisfatório durante essa preparação, melhor ainda certo?

Se você tiver alguma dúvida sobre o IELTS, entre em contato conosco.

Consulte datas, locais de prova e preço, e inscreva-se para o exame oficial.

Inscrição IELTS Brasil